quarta-feira, janeiro 29, 2014

Pouco ou nada... tanto!

Há quanto tempo não tomava um banho de chuveiro até a água ficar fria? Há muito!
Há quanto tempo não tinha tempo suficiente para que os meus caracóis saíssem da casa-de-banho com um aspecto digno de levar à rua? Há muito!

E tudo graças à maldita gripe que apanhou o meu marido. E o pôs de molho por uma semana... Tudo na vida tem um lado positivo.

Sonhei com Cuba. Ou pelo menos sonhei com um mar caribeño, casas cor de trópicos, corpo espraiado e pele morena.

Levei a Omarita comigo para o banho à custa disso e saí de lá bem disposta. Há sempre um dia em pleno Inverno em que o meu cérebro clama pelo Verão.

E nem sei bem porquê, mas hoje também dei por mim a abrir a "Julgar" para ler um artigo jurídico. À pergunta do Pedro - Porquê que está a ler isso? (Cabeça para baixo semi-envergonhada, talvez até tenha corado...). -Tenho saudades!

Retorquiu: - Queres ir trabalhar que fico com ela? (...) Resposta: - Uma semana. Só. 

Há um dia em que descobrimos que estamos intactos. Ou melhor, estamos mais completos. Mas intactos!


"Há quanto tempo não escreves no teu blog? Há demasiado!"