domingo, março 24, 2013

A letra M...

Adoro a 13.ª letra do alfabeto. Letra de mãe, de mulher e coração da palavra amor... Sou filha de uma Maria, neta de Margarida e de Manuela e costumo dizer que gosto de quase todos os nomes éMes.
Mais que isso:
Gosto das Martas, das Marianas, das Matildes, Margaridas, Manuelas, Mafaldas, das Marias, da Míriam e da Michele!
Mas, tirando dois ou três conhecimentos de circunstância, não tinha nenhuma Madalena...
O pai adora o nome. O avô adora o nome - e adora a importância bíblica de Madalena -. E de uma maneira tão querida, toda a gente lhe reage bem...
Lembro-me do ar de desconsolada da Carlinha, quando trocámos as voltas às escolhas, a dizer: "Então não é Madalena?!".
Depois há a música. Aquela por que babo na voz da Elis e aquela onde pela primeira vez ouvi a voz da Dani e me fez pensar: "Quem é esta? Pressinto que vou gostar dela...".
Porém, quando ao sair de casa dos meus pais, após uma conversa sobre os ditos nomes, o rádio do carro entoou a tal da música, a escolha surgiu óbvia!

Será Madalena porque assim quis! 

sábado, março 09, 2013

Espalhem a notícia... [parte muitas; parte minha]


... E cantem! Porque perfeita! Porque há alturas na vida em que só as letras dos outros nos servem! Porque de todas as vezes que a ouvi (e foram tantas) desejei que um dia pudesse ser escrita para mim!

Sigamos a jornada das palavras... com ansiedade e muita vontade!!!