quinta-feira, fevereiro 14, 2008

Todas as cartas de amor são ridículas...


(Todas as palavras esdrúxulas,
Como os sentimentos esdrúxulos,
São naturalmente
Ridículas)
Álvaro de Campos

Etiquetas: